Evaldo Lima afirma que mudanças já podem ser percebidas pela população

O vereador Evaldo Lima (PCdoB), líder do governo na Câmara Municipal de Fortaleza, tem reagido às criticas realizadas contra a administração municipal. Em entrevista ao jornal O Estado, na última sexta-feira, ele disse que, por ora, o prefeito Roberto Cláudio (PSB) honrou diversos compromissos de campanha, uma delas a criação da Secretaria de Segurança Cidadã oriunda da reforma administrativa – aprovada em janeiro.

Faltando poucos dias para Roberto Cláudio completar 100 dias de governo e anunciar a população alguns avanços, Evaldo afirma que muitos compromissos e demonstrações à causa e aos direitos da cidade, sobretudo nas três principais prioridades – educação, saúde e mobilidade -, já podem ser observadas pela população. Destacando, assim, a implantação do Bilhete Único – promessa de campanha do gestor. Em relação à educação, ele ressaltou a seleção pública para diretores e coordenadores pedagógicos.

Sobre o convênio com a Secretaria de Segurança Pública, o comunista reafirmou que a proteção ao gestor municipal não se trata de “privilégio”, mas de uma prerrogativa da função. Acrescentando, ainda, que o convênio proporcionará uma qualificação da Guarda Municipal, o que não retirará a competência da Instituição. “Nossa pretensão é que, até o final deste ano, tenhamos o edital para elaboração do concurso público da Guarda Municipal”, disse, referindo-se ao questionamento da oposição de que a política de segurança do Roberto Cláudio não impactará nas políticas públicas de segurança do Estado. Disse, ainda, que uma série de aspectos da mensagem prefeitura em tramitação na Câmara relaciona a parceria recíproca entre os Órgãos.

Sobre a negociação salarial com os servidores, Evaldo ressaltou a criação de uma Mesa de Permanente de Negociação da Prefeitura que, então, facilitará o dialogo com os servidores, especialmente proporcionando um reajuste superior a inflação. Segundo destacou, o prefeito pretende conceder o reajuste, desde que não ocasione um comprometimento das contas públicas, “Com muita responsabilidade e bastante diálogo haverá solução ao reajuste dos servidores”, disse.

DEBATE

Na ocasião, Evaldo Lima minimizou as críticas referentes às intensas sessões plenárias. Ele destacou a reunião do Colégio de Líderes, onde algumas decisões foram tomadas como a criação do Conselho de Ética e a Procuradoria Geral da Casa. Conforme destacou, as medidas atendem ao apelo da sociedade, que, segundo ele, conclama por um Parlamento “transparente”. Disse, ainda, que as medidas têm como objetivo tornar as sessões mais dinâmicas e, sobretudo, respeitar o Regimento Interno da Casa.

ELEIÇÃO 2014

Quanto as eleições de 2014, o parlamentar comentou que o PCdoB, a partir de uma formação tática de fortalecimento das instituições democráticas, visa dar continuidade ao lado dos partidos aliados um projeto nacional de desenvolvimento. Sobre lançar candidatura ao Governo do Estado, ele ressaltou não ser pretensão da legenda, mas o assunto ainda pode ser pautado. Mas, de acordo com ele, a estratégia do partido é fortalecer o projeto de desenvolvimento no Estado, lançando candidatos ao Senado, Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa.

Fonte: jornal O Estado

Deixe uma resposta