Brasil supera a Itália e se classifica para a fase final da Liga Mundial

Brasil precisava da vitória por no minímo 3 sets a 1 contra a Itália, e conseguiu

Brasil supera a Itália novamente e se classifica para a próxima fase da Liga Mundial
Brasileiros comemoram a vitória

Em nova vitória sobre a Itália, fora de casa, a seleção brasileira garantiu a classificação para a próxima fase da Liga Mundial de vôlei. Os comandados de Bernardinho venceram por 3 sets a 1 (27/25, 18/25, 25/17 e 25/16), e recuperaram de vez a confiança perdida no início da competição, chegando com muita força para a disputa da segunda fase.

Foto da not?cia
                                           Jogadores comemoram ponto

Depois de uma grande volta por cima, a seleção brasileira masculina de vôlei assegurou a vaga e está na Fase Final da Liga Mundial 2014. A equipe não começou bem a competição, mas soube se superar, conquistar vitórias, e, neste domingo, ao derrotar a Itália por 3 sets a 1 (27/25, 18/25, 25/17 e 25/16), em Milão, garantiu a classificação para a etapa onde seis seleções estarão na disputa pelo título. Maior vencedora da história do campeonato, com nove troféus, a seleção brasileira segue na busca pelo décimo entre os dias 16 a 20 de julho, na cidade italiana de Florença.

A equipe comandada pelo técnico Bernardinho terminou a primeira etapa da Liga Mundial na terceira posição, com 17 pontos, atrás de Irã e Itália. A classificação foi definida com três grandes atuações seguidas, em que a seleção brasileira derrotou Polônia e Itália, esta, duas vezes, sempre fora de casa.

Neste domingo, o ponteiro Lucarelli foi o maior pontuador da partida, com 17 acertos, todos de ataque. Após o jogo, o jovem atacante comemorou bastante. “Brinco que estávamos com o coração quase parando, mas conseguimos sobreviver e agora vamos ainda muito mais fortes, cheios de vida, para a Fase Final”, comentou Lucarelli.

Com uma boa distribuição de bola do levantador Bruninho, outros jogadores também pontuaram bastante. O oposto Wallace marcou 15 vezes, o central Lucão, 12, e o ponteiro Murilo, 10. O central Sidão ainda fez nove pontos. Sem pontuar, mas importante no fundo de quadra, o líbero Mário Jr. falou do sentimento de conseguir a classificação.

“A sensação nesse momento é muito boa por estarmos em mais uma fase decisiva, onde o Brasil sempre esteve, Agora vamos brigar mais uma vez e tentar o melhor resultado possível. O grupo todo está de parabéns por conseguir essa vaga. As pessoas criticaram muito, mas nós trabalhamos, nos dedicamos e conseguimos o primeiro objetivo, que era a classificação. Estou muito feliz”, disse Mário Jr.

O central Lucão lembrou o fato de que a seleção brasileira trabalhou com menos jogadores no início da competição, já que alguns ainda estavam de folga depois da temporada no exterior.

“No começo, estávamos com o grupo quebrado e, agora, há umas três semanas estamos conseguindo trabalhar com o time completo. Os treinos melhoraram bastante e isso fez muita diferença. Neste momento, conseguimos uma regularidade que estávamos acostumados e que não tínhamos no início da Liga Mundial”, destacou Lucão.

Palavra do capitão

Um dos principais líderes do Brasil, o capitão e levantador Bruninho falou sobre o atual momento da equipe.

“Depois de um início ruim, colocamos na cabeça que precisávamos melhorar muito, trabalhar firme e ainda mais e isso é o retrato do que nos sacrificamos. Agora colhemos o fruto de chegar a Fase Final, mas não queremos parar por aqui de jeito nenhum, já que sabemos que temos muito ainda a crescer”, disse Bruninho.

O levantador ainda ressaltou a importância do atual grupo que representa o país em quadra. “Isso é a demonstração de que temos um grupo forte, de caráter e queremos ir mais longe, sem dúvida”, concluiu Bruninho
fonte:Assessoria de Comunicação – CBV | Idigo – Núcleo de Inteligência Digital

Deixe uma resposta