Alonso surpreende, ganha GP da Malásia e Bruno Senna é o sexto

A Ferrari chegou desacreditada à Malásia, mas saiu fortalecida com uma corrida perfeita do bicampeão da Fórmula 1 Fernando Alonso. O espanhol aproveitou uma corrida tumultuada no circuito de Sepang neste domingo e conquistou a sua primeira vitória na temporada. Mais do que isso, assumiu a liderança com 35 pontos, cinco a mais do que inglês Lewis Hamilton, terceiro na corrida de hoje.Contando com ajuda da estratégia da Ferrari, Alonso soube lidar com os imprevistos provocados pela bandeira vermelha – um temporal nas primeiras voltas forçou a paralisação de 45 minutos – e assumiu a liderança depois de uma sessão de paradas nos boxes no reinício da corrida. O mexicano Sergio Perez surpreendeu com a Sauber e chegou a lutar pela vitória, mas escapou da pista a cinco voltas do final e acabou em segundo.Felipe Massa mais uma vez teve uma corrida para esquecer. Com uma parada a mais do que os outros pilotos (quatro), terminou em 15º e verá a pressão por resultados aumentar. Todos os 25 pontos da Ferrari no ano foram conquistados por Alonso.

De último a sexto, Bruno Senna faz melhor prova na F1
Bruno Senna fez excelente corrida depois de um início complicado e conseguiu o sexto lugar. O brasileiro perdeu o bico na volta inicial, caiu para último, mas fez seus primeiros oito pontos na temporada ao completar uma elogiável prova de recuperação.O brasileiro Bruno Senna completou neste domingo a sua melhor corrida na Fórmula 1. Isso depois de chegar à última colocação. Em uma prova de recuperação, o piloto da Williams foi um dos destaques da corrida ao terminar na sexta colocação o GP da Malásia.
“Foi uma corrida que começou dando tudo errado. Achei que seria mais difícil, mas fomos muito bem com a pista molhada. Estou muito contente por conseguir me recuperar nessa corrida”, disse o piloto em entrevista à TV Globo.Logo na primeira volta, Bruno Senna perdeu um pedaço do bico de sua Williams e teve de parar nos boxes. Caiu para a última colocação, mas acabou favorecido pela interrupção da prova na nona volta por conta do temporal que atingiu o circuito de Sepang.
Com o carro rendendo melhor na pista molhada, Bruno Senna acumulou ultrapassagens até chegar ao sexto lugar, o melhor em sua história na Fórmula 1. Antes, o piloto tinha como momento máximo na categoria um nono lugar no GP da Itália de 2011.

Confira o resultado do GP da Malásia:
1 – Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – 2h44min51s812
2 – Sergio Perez (MEX/Sauber) – a 2s263
3 – Lewis Hamilton (ING/McLaren) – a 14s591
4 – Mark Webber (AUS/Red Bull) – a 17s688
5 – Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) – a 29s456
6 – Bruno Senna (BRA/Williams) – a 37s667
7 – Paul Di Resta (ESC/Force India) – a 44s412
8 – Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso) – a 46s985
9 – Nico Hulkenberg (ALE/Force India) – a 47s892
10 – Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – a 49s996
11 – Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – a 1min15s527
12 – Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso) – a 1min16s800
13 – Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – a 1min18s500
14 – Jenson Button (ING/McLaren) – a 1min19s700
15 – Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 1min39s300
16 – Vitaly Petrov (RUS/Caterham) – a 1 volta
17 – Timo Glock (ALE/Marussia) – a 1 volta
18 – Heikki Kovalainen (FIN/Caterham) – a 1 volta
19 – Pastor Maldonado (VEN/Williams) – a 2 voltas
20 – Charles Pic (FRA/Marussia) – a 2 voltas
21 – Narain Karthikeyan (IND/Hispania) – a 2 voltas
22 – Pedro de la Rosa (ESP/Hispania) – a 2 voltas
Não completaram:
Kamui Kobayashi (JAP/Sauber)
Romain Grosjean (FRA/Lotus

Fonte: esportes.terra

Antonio Bento
Analista de Redes de Computadores , Pos-Graduado em Segurança de Redes de Computadores , Pos-Graduado Tecnologias Para Aplicações Web. Trabalha deste 2008 com Aplicações web em desenvolvimentos nas linguagem (php, Python, Ruby Rais) Conhecimento Avançando em banco sql Nosql.
http://stice.info

Deixe uma resposta