Pelé no Estádio de Rasunda: “Aqui o mundo conheceu o Brasil”



Suecos homenagearam finalistas da Copa de 58 e Pelé disse que no dia 29 de junho de 1958, no Estádio Rasunda, o mundo conheceu de verdade o Brasil

O povo sueco cultua o futebol brasileiro com admiração. A paixão começou na Copa do Mundo de 1958 e até hoje está presente na memória desse povo que também ama o futebol.

Tanto que a Federação sueca promoveu nesta terça-feira o encontro entre os jogadores finalistas do confronto Brasil x Suécia que decidiu a Copa do Mundo de 1958. Hoje, senhores respeitáveis, os “adversários” de 58 se encontraram nos bastidores e depois no gramado do mesmo Estádio Rasunda, o palco daquele dia histórico, 29 de junho de 1958.

Pelé, o camisa 10 do evento, Zito, Pepe e Mazzola, os outros jogadores do Brasil presentes, vestiram a camisa da Seleção Sueca. Foram abraçados de maneira emocionada pelos adversários de 1958, com alguns jogadores suecos mostrando recortes de jornal da época falando sobre o jogo.

– Acabei de falar com meus companheiros. Temos de agradecer muito a Deus por estarmos vivos e por estarmos aqui agora. Muitos dos jogadores do Brasil já se foram, mas tenho certeza de que estão tão felizes quanto a gente.

Um sueco perguntou por Garrincha.
– Ele deve estar lá no céu vendo a gente aqui.
Pelé já foi homenageado de todas as formas e em todos os cantos do planeta. Mas o Rei do Futebol estava mesmo emocionado ao voltar ao gramado do Estádio Rasunda onde tudo começou.
– Tudo o que consegui na minha vida começou aqui. Tinha 17 anos e não podia imaginar que a partir daquela final contra a Suécia eu chegaria tão longe na carreira.
Pelé disse mais. Que se sentia orgulhoso pela façanha conseguida por ele e seus companheiros de Seleção na Copa do Mundo de 1958.

– Naquela época, não era só o futebol brasileiro que era desconhecido. O Brasil também. Tenho muito orgulho de ter ajudado a tornar o Brasil conhecido em todo o mundo a partir de 1958.
Pelé falou com muito carinho para os jornalistas suecos, que fizeram muitas perguntas.
– Agradeço de todo coração ao povo sueco, pelo carinho que nos deu naquela Copa. Eles gostaram tanto da Seleção, das atuações do nosso time, que passaram a torcer para o Brasil.
Pelé emendou fazendo um convite.
– Em nome da presidente Dilma, convido a todos para irem ao Brasil em 2014 assistir à nossa Copa.
Encerrou brincando.
– Só não vai dar para ver a Suécia campeã.

Fonte: CBF – SvD Sport(Suécia)

Antonio Bento
Analista de Redes de Computadores , Pos-Graduado em Segurança de Redes de Computadores , Pos-Graduado Tecnologias Para Aplicações Web. Trabalha deste 2008 com Aplicações web em desenvolvimentos nas linguagem (php, Python, Ruby Rais) Conhecimento Avançando em banco sql Nosql.
http://stice.info

Deixe uma resposta