Evaldo Lima ressalta o papel do Ceará na Abolição da Escravidão

Vereador do PCdoB Evaldo Lima enalteceu a Data Magna do Ceará, 25 de março (Foto: Genilson de Lima)

O vereador Evaldo Lima (PCdoB), destacando a instituição do dia 25 de março como Data Magna no Ceará, evidenciou na sessão desta quinta-feira, 7, o posicionamento do Estado, enquanto província, na Abolição da Escravidão. “Fomos a primeira província a abolir a escravatura, quando haviam cerca de 33 mil escravos no Ceará”, ressaltou o parlamentar.

Para Evaldo Lima a Data Magna retrata a memória coletiva do nosso Estado. “A abolição diz respeito a uma história de luta, da resistência negra ao trabalho escravo”, atentou. O parlamentar citou uma fala que retrata as circunstâncias em que os negros viviam. “O escravo que mata o seu senhor faz em legitima defesa”, frase que ilustra o pensamento de muitos abolicionistas, como Luís Gama.

Evaldo Lima ressaltou ainda a realização de audiência pública sobre o racismo no futebol brasileiro. “É importante mobilizar a sociedade ao combate ao racismo”, retratou o parlamentar, focando as marcas da escravidão na sociedade. O vereador, em seu pronunciamento evidenciou o papel da cultura nas vivências do ser humano. “A cultura nada mais é do que a necessidade humano de transcender a realidade”.

O vereador Leonelzinho Alencar (PTdoB), diante da ponderação sobre a cultura, destacou a veia humorística do Ceará, propondo a instituição da Medalha Chico Anysio. O parlamentar, pedindo o apoio do Legislativo para a aprovação da proposta, ressaltou a intenção de realizar em 12 de abril sessão solene para homenagear os humoristas do Estado.

Fonte: Câmara Municipal de Fortaleza
Antonio Bento
Analista de Redes de Computadores , Pos-Graduado em Segurança de Redes de Computadores , Pos-Graduado Tecnologias Para Aplicações Web. Trabalha deste 2008 com Aplicações web em desenvolvimentos nas linguagem (php, Python, Ruby Rais) Conhecimento Avançando em banco sql Nosql.
http://stice.info

Deixe uma resposta