Faltam 690 dias: Plano de segurança para a Copa custará R$ 1,7 bilhão

Hooligans em ação durante a Eurocopa 2012: preocupação

– O plano de segurança para a Copa do Mundo já está definido. O investimento total será de R$ 1,7 bilhão e a preparação considerou a presença dos hooligans durante o torneio, além de ações terroristas. Segundo o secretário extraordinário de Segurança para Grandes Eventos do Ministério da Justiça, Valdinho Jacinto Caetano, o plano é desenvolvido diretamente com os estados. Um dos componentes que está no plano operacional é a presença das bebidas alcoólicas nos estádios da Copa.
“Não beber antes dos jogos é quase impossível. Não me preocupo com a bebida dentro dos estádios, pois ela está presente nas festas”, disse Caetano à “Globo.com”. Sancionada pela presidente Dilma Rousseff, a Lei Geral da Copa não vetou a comercialização das bebidas. A decisão ficará a cargo dos nove estados onde ocorrerão os 64 jogos da competição.Após preparar o plano de segurança, o governo brasileiro fez seminários com inlgeses, americanos e alemães. De acordo com o secretário, caso seja necessário, as Forças Armadas e Nacional serão usadas. Não há, porém, possibilidade de tê-los no entorno dos estádios.

Fonte: Portal 2014 – Foto: Agência EFE

Antonio Bento
Analista de Redes de Computadores , Pos-Graduado em Segurança de Redes de Computadores , Pos-Graduado Tecnologias Para Aplicações Web. Trabalha deste 2008 com Aplicações web em desenvolvimentos nas linguagem (php, Python, Ruby Rais) Conhecimento Avançando em banco sql Nosql.
http://stice.info

Deixe uma resposta