Seminário chega a Fortaleza

Um legado que vá além de estádios, vias alargadas ou túneis.

 A Copa do Mundo no Brasil pode deixar, além de melhorias estruturais, uma herança para a população, especialmente no âmbito esportivo.

 Foi lançada ontem, na Câmara Municipal, a versão da Capital Cearense para o projeto Cidades da Copa.

 A iniciativa busca incentivar as sedes do Mundial a ter um crescimento socioesportivo após o evento.

“O legado existe, ou positivo, ou negativo, e ele vai ficar. Se não houver uma intenção clara e declarada em planos e orçamento, não vai acontecer”, analisa a medalhista olímpica Ana Moser, presidente do Instituto Esporte & Educação (IEE), que promove o Cidades da Copa.

Ana Moser

 A Capital é a 10ª sede a receber o seminário, que ainda passará por Manaus. Hoje, ele terá continuidade na Universidade de Fortaleza (Unifor).

Na primeira fase, o projeto diagnostica a situação de cada sede em relação a temas como quantidade de crianças praticando esporte, estrutura para a prática esportiva, incentivos governamentais e formação de professores. “Não é um censo, mas uma chamada da cidade pra olhar pra ela mesma”, explica Ana.

 A partir daí, é elaborado um plano de ação, que deve ser entregue ao Legislativo e Executivo.

 “O documento é um instrumento de pressão e de projeção de ações”, diz a presidente do IEE. A finalização do plano está marcada para abril, e a apresentação para maio.

Segundo o secretário de Esporte e Lazer de Fortaleza, Márcio Lopes, o projeto funcionará para conhecer as expectativas da sociedade civil sobre legados dos grandes eventos:

Marcio Lopes

 “O maior benefício é sistematizar o documento e pegar o compromisso dos gestores em executá-los”.

 O titular da pasta admite que não há modelos prontos para aproveitar essa herança. “Essa discussão já vem há um bom tempo. Existem iniciativas pontuais”.

Serviço

SEMINÁRIO CIDADES DA COPA
Quando: Hoje
Onde: Auditório A2 da Unifor
Hora: 8h30min
fonte:OPovo

Antonio Bento
Analista de Redes de Computadores , Pos-Graduado em Segurança de Redes de Computadores , Pos-Graduado Tecnologias Para Aplicações Web. Trabalha deste 2008 com Aplicações web em desenvolvimentos nas linguagem (php, Python, Ruby Rais) Conhecimento Avançando em banco sql Nosql.
http://stice.info

Deixe uma resposta